Publicidade

Publicidade

Bebê é anunciado em site de compras e vendas na internet; suspeito é da família


Um jovem de 19 anos, que não teve a identidade revelada, anunciou a venda de um bebê de 1 ano e 11 meses em um site de compras e vendas da internet. O caso aconteceu em janeiro de 2017, na cidade de Cariacica, Grande Vitória (ES), e o suspeito é cunhado da mãe da criança. Se condenado, ele pode pegar até seis anos de prisão.

De acordo com o delegado Lorenzo Pazolini, da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, não ficou comprovada a participação dos pais da criança no caso. O próprio site retirou o anúncio do ar após ser comunicado do conteúdo e não vai ser penalizado. O acusado disse que a intenção era apenas fazer uma brincadeira e não queria vender o bebê.

De acordo com os artigos 232 e 238 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o jovem vai ser acusado por "submeter criança ou adolescente sob sua autoridade, guarda ou vigilância a vexame ou a constrangimento", bem como "prometer ou efetivar a entrega de filho ou pupilo a terceiro, mediante paga ou recompensa".

Por: Erivaldo Oliveira,  São Gonçalo Alerta
Fonte: Metro1

Top da Semana

Notícias