Publicidade

Publicidade

Vitória é dominado pelo Botafogo-PB e perde por 4x2


Foi um jogo daqueles que o torcedor rubro-negro vai fazer questão de apagar da memória. Neste domingo (5), pela segunda rodada pela Copa do Nordeste, o Vitória foi até João Pessoa encarar o Botafogo-PB e acabou derrotado por 4x2. Além disso, o Leão caiu da liderança para o 3º lugar no grupo E.

Antes da bola rolar, a confiança era tanta que o técnico Argel Fucks decidiu tirar Paulinho do time e promover a estreia do meia Jesús Dátolo - que não atuava desde setembro do ano passado e passou por um reforço muscular para evitar reviver as quatro lesões sofridas na coxa. Além disso, Argel tirou Geferson e iniciou com Euller na lateral esquerda.

Só que a ousadia passou longe da alegria. Onze minutos. Esse foi o tempo que o time paraibano precisou para mandar na partida e abrir 2x0. A primeira jogada até saiu dos pés do Leão, quando David cruzou para Kieza, que perdeu um gol feito. No minuto seguinte, o Botafogo foi letal.

Após falha de Leandro Salino, que furou ao tentar cortar uma bola, Fernandes recebeu livre na área e chutou cruzado, direto para o fundo do gol.

Não era mesmo o dia de Salino. Seis minutos depois, o lateral tentou cortar e, mais uma vez, cometeu uma falha que custou caro ao Leão. A bola sobrou para Wanderson, que escolheu o canto e tocou na saída de Fernando Miguel para fazer 2x0. 

Não foi só um apagão rubro-negro. Com um esquema 3-6-1 em campo, o Botafogo-PB povoou o meio-campo e criou uma barreira diante do setor criativo do Vitória, que praticamente não produziu no primeiro tempo. Além do lance no início do duelo, o time de Argel Fucks só arriscou novamente aos 43 minutos, quando Cleiton Xavier recebeu passe em profundidade e, cara a cara com o gol, tentou o toque de cobertura e errou.

No intervalo, Salino ficou no vestiário mesmo. Com Paulinho no time e Willian Farias quebrando um galho na direita, o Leão parecia que ia dar liga. Aos 4 minutos, após cruzamento de Euller, Kieza ainda procurava a bola quando Cleiton Xavier chegou de bicuda e fez 2x1. 

Parecia uma reação, mas quem botou fogo no jogo foi o time da Paraíba. Seis minutos depois, o Botafogo atropelou o Leão sem dó, nem piedade. Aos 10, após falha coletiva da defesa rubro-negra, Wanderson tocou para Marcinho que, dentro da área, driblou Fernando Miguel e tocou para o gol vazio: 3x1. No minuto seguinte, Raphael Luz cortou toda a defesa. Sem marcação, Wanderson tocou por cima de Fernando Miguel e marcou o quarto gol do Botafogo.

O zagueiro Fred ainda diminuiu em um belo gol de falta, aos 34 minutos do 2º tempo. Mas o time paraibano manteve o controle da partida e o resultado que derrubou o Vitória para 3º lugar do grupo E. Os quatro times têm três pontos, sendo que o América-RN lidera pelo saldo de gols (1). Botafogo-PB e Vitória têm saldo zero, mas os paraibanos levam vantagem no confronto direto. Sergipe é lanterna, com saldo -1.

O Vitória não terá tempo para lamentar. Na quarta-feira, o Leão estreia na Copa do Brasil, diante do Luaziânia-DF. O jogo será às 18h30, em Luziânia, Goiás.

Por: Erivaldo Oliveira, São Gonçalo Alerta
Fonte: Correio24horas

Top da Semana

Notícias