Publicidade

Publicidade

Brasil tem 568 casos suspeitos de febre amarela e 46 mortes confirmadas


O Brasil tem 568 casos suspeitos de febre amarela. Desses, 107 foram confirmados, 430 ainda estão sob investigação e 31 foram descartados, os dados são do Ministério da Saúde. Minas Gerais ainda é o estado com o maior número de registros: 509 pessoas com os sintomas.

Cerca de 80 municípios do país já apresentam com notificações da doença, sendo que 55 estão em território mineiro. Espírito Santo é o segundo estado mais afetado, com 37 casos suspeitos e 5 confirmações. A primeira morte foi confirmada nesta segunda (30).

Na Bahia são sete registros, sendo que seis deles ainda estão sob análise para uma confirmação. O estado não apresentou nenhuma morte pela doença.
SÉRIE HISTÓRICA

O surto de 2017 já é o maior da série histórica, divulgada pelo Ministério da Saúde desde 1980. O pico anterior havia ocorrido em 2000, com 85 casos registrados.

O avanço recente de casos acendeu um alerta entre autoridades de saúde e levou à adoção de medidas urgentes de controle, como a intensificação da vacinação. Ao todo, já foram enviadas 7,5 milhões de doses extras da vacina para Estados onde há casos suspeitos da doença e áreas próximas. Nos demais, a proteção é indicada em duas doses para pessoas que vivem ou planejam viajar para áreas de recomendação da vacina no país.

A imunização não é indicada para gestantes, mulheres que estejam amamentando crianças com até seis meses e pessoas com baixa imunidade (como pacientes em tratamento com quimioterapia, por exemplo).

Por: Erivaldo Oliveira,  São Gonçalo Alerta
Fonte: Folhapress

Top da Semana

Notícias